terça-feira, 26 de junho de 2012

Os seres humanos fazem questão de se mostrarem pelas palavras. Proferem testamentos sinceros, garantias essenciais e cartas de amor sentimentais. Reiteram citações populares e pensamentos incalculáveis. Treinam as mentes para canções e narram textos com uma sabedoria imensa para aquilo que nunca se dominou. Está-lhes no sangue. Está-lhes no coração. Não enfrentam o perigoso e o invejável. Não toleram o ciume, a inveja. Não praticam a acção. Não consentem os movimentos. A acção mete-lhes medo. Recorda-lhes a felicidade por meios próprios e o aparecimento do amor como um ser maldoso, duvidoso e temido. Não permitem gestos insolentes e obras carinhosas. Fazem-lo por palavras e já bem basta. 
Quem pretendo enganar, também? Sou somente um ser humano a mostrar a sabedoria desconhecida de um mundo abstracto, tantas vezes, perigoso. Diria até melhor: sou amante das palavras e inimiga das acções.  

26 comentários:

  1. Não és a única a ser amante das palavras! Está tão bonito

    ResponderEliminar
  2. Eu cá gosto de uma boa acção para completar as palavras! Nem todos somos iguais. Mas sou hipócrita ao ponto de acreditar que sou diferente.

    ResponderEliminar
  3. Olá!!!
    Criei um blog com coisinhas que faço :D passa por lá se quiseres!!! http://pelaminhaimaginacao.blogspot.pt/ ou no facebook http://www.facebook.com/pelaminhaimaginacao Obrigada :D

    ResponderEliminar
  4. simplesmente fantástico e lindo *-*

    ResponderEliminar
  5. será que posso pedir-te um favor?
    passa pelo meu blog de fotografia e vota na sondagem, please*

    ResponderEliminar
  6. juro que adoro o que escreves! claro que segui, que lindo blog.. tens aqui o meu blog http://my-lifeee-in-words.blogspot.pt/ se gostares, segue!
    Kisses sweet.

    ResponderEliminar