sexta-feira, 6 de julho de 2012

Na vida, existem três passos seguidos à letra: a sobrevivência, a ganância e o poder. Não importa o grupo social pertencente, nem a fama com que viemos ao mundo. Não existem palavras meigas, nem contratos fieis para toda a vida. Cada um está por conta de cada qual. Amizades verdadeiras são poucas nos dias correntes e o amor já é a esperança mínima presenteada. Pisam, esmagam, trituram. 
Diariamente, as palavras são como tijolos que, quando atiradas, jamais poderão ser retiradas ou negadas. Não toleram enganos. Nunca o fizeram. «Os enganos são para os fracos», declaram os demais. Parvoíce é a deles por julgarem os outros sem se olharem primeiro ao espelho, pois, muitas vezes, são piores do que os sentenciados. Não consentem a paz se o mundo estiver em guerra. Não perdoam, não desculpam. «O mal está no universo.», afirmam eles. No entanto, matam os Homens. Não lhes falta pão e água em cima da mesa e, mesmo assim, desejam sempre mais. Tiram o pouco aos pobres e o imoderado fica arrecadado em prateleiras. 

34 comentários:

  1. Pois é, as atitudes e os gestos acabam por se valorizar muito mais do que as palavras aí.
    É tão verdade este teu texto, a sociedade é tão assim. Ganância, poder, dinheiro... pergunto-me o que lhe serve tudo isto quando estiverem sozinhos, e sem amor.

    ResponderEliminar
  2. Oh, as pessoas às vezes são tão mázinhas connosco, umas vezes sem se aperceberem, só que nós sentimos muito essas coisas..não te consigo explicar, mas estou muito triste :/

    ResponderEliminar
  3. A vida parece que me foge, percebes? Espero que sim, que corra tudo bem. E que gostes de me ter no teu mundo imaginário.

    ResponderEliminar
  4. Oin, obrigada (:
    É que tens uma maturidade que se revela imenso nos teus textos, não só de vocabulário mas de ideias, e isso é mesmo muito bom!

    ResponderEliminar
  5. Tu és sempre assim tão atenciosa com as pessoas minha querida?

    ResponderEliminar
  6. // será que podes passar pelo meu blog de fotografia e se gostares deixar lá um "gosto" se faz favor?

    ResponderEliminar
  7. a culpa de sentirmos-nos assim é das pessoas que cometem os actos de fazer alguém de personagem principal. se devíamos ser valorizados por iguais quando não fazemos nada de diferente? devíamos, mas as "crianças" de hoje, e sim, já só falo nos adolescentes e não da sociedade, porque essa vai ser constituída por essas "crianças", fazem isso uns aos outros. é por isso que há pessoas como nós, que sem merecerem são figurantes.
    e o texto está muito bonito, cada vez a tua escrita encanta-me mais :)

    ResponderEliminar
  8. ele sabe bem meu doce, digo-lho vezes sem conta. ele sabe o que significa e que não quero ficar sem ele :$

    ResponderEliminar
  9. Adorei o texto, muito belo e realista! Infelizmente, essas três palavrinhas que ai descreves são a cara da sociedade.

    ResponderEliminar
  10. Além de nos tornar seres terríveis, no final.. somos todos iguais como umas fotocópias. Mas enfim.

    ResponderEliminar
  11. És das poucas pessoas que tem noção do que a sociedade é, e isso é muito bom, acredita. Até porque ao termos noção da realidade nua e crua é que nos tornamos melhores pessoas. :)

    ResponderEliminar
  12. Concordo plenamente contigo, as pessoas não entendem nem fazem por entender.

    ResponderEliminar
  13. Se conseguires ir ao fb conto-te tudo, meu amor <3

    ResponderEliminar
  14. Desconheço o porque de o dizerem, alias até acho ridículo. Para te ser sincera, acho que foste das pessoas que até hoje melhor me acolheram. Quer dizer, olha para nos, partilhamos tanto sobre nos neste lugar, nesta blogosfera, sem realmente nos estarmos a esforçar para contar as coisas. Acho que, no fundo, sem querer que pareça estranho, isso me faz gostar de ti - como pessoa - e faz-me crer que estamos a criar uma amizade, talvez pequenina. E bem, essas pessoas que dizem o que dizem de ti, a respeito de seres antipática, deveriam ver as coisas da minha prespectiva. Acho que se iam surpreender. Tanto quanto eu.

    ResponderEliminar
  15. Eu cá não achava muita piada ahaha.

    ResponderEliminar
  16. É preciso ter-se bastante maturidade para se escrever essas palavras. Digo-te que adorei ler estas palavras, que gostei mesmo de compreender cada palavra, ler cada entre linha. Um Beijo :)*

    ResponderEliminar
  17. Obrigada! Fazem, mas nada disto é meu, portanto não devia ter ciúmes... matam-me aos pouquinhos, sem exagero.

    ResponderEliminar
  18. bem, tenho uma nova sondagem a decorrer no blog de fotografia, passa por lá e vota. caso tenhas votado na sondagem que estava anteriormente a decorrer, clica na página "sondagens" e vê os resultados e as conclusões, ao votares deixa comentário se tiveres curiosidade em saber a resposta que eu responderei com prazer (: caso gostes das novas fotos não te esqueças de clicar no "gosto" (:
    obrigada, aqui tens:
    blog de fotografia

    ResponderEliminar
  19. muito obrigada :)
    wow adorei, abordaste um tema difícil de abordar, a ganancia. adorei a forma como usaste as palavras. escreves muito, muito bem.

    ResponderEliminar
  20. Que frase tão linda que escreveste ali em cima.

    ResponderEliminar
  21. Escreves mesmo muito bem, parabéns. Gostei de te ler :)

    E neste post tem muita razão naquilo que escreves-te...infelizmente...

    ResponderEliminar