segunda-feira, 20 de junho de 2011

"E um dia ele chegou, e por mais que ela não quisesse, a sua vida tinha mudado nesse dia. Morriam de medo que o outro errasse, porque sabiam que errar era humano. Amavam-se como se o mundo fosse acabar e desejavam-se como se não houvesse mais ninguém no mundo. Enchiam-se com tardes vazias passadas na cama, ouviam o som do silencio e receavam que nada fosse para sempre. Encontravam-se sempre no escuro e procuravam sempre a luz do dia. Viviam entre paredes brancas, num mundo como no dos filmes. Num mundo como nos sonhos. Os dias eram segundos e os segundos anos, encontravam e sabiam todo o sentido das palavras e amavam não as usar. Importavam-se com a beleza que tinham no coração, e desprezavam tudo o que os rodeava, eram perfeitos e sabiam que a perfeição não existe."


                                Tumblr_ln05jvncgh1qbdpq3o1_500_large
                                                  Lembras-te deste texto ?

15 comentários: